YAMAHA VENCE PELA QUARTA VEZ CONSECUTIVA A LENDÁRIA 8 HORAS DE SUZUKA

Em um esforço heróico, a equipe oficial de Endurunce da Yamaha conquistou a pela quarta vez seguida o lugar mais alto no pódio de uma das corridas de moto mais emblemáticas, tradicionais e difícieis do mundo, a 8 Horas de Suzuka, que é disputada no Circuito de Suzuka no Japão desde 1978.

Considerada um verdadeiro teste de resistência para motos e pilotos, a corrida de 8 horas de Suzuka se destaca pelas disputas dentro e fora da pista. Isso porque para vencê-la, além do desempenho dos pilotos, é fundamental o trabalho das equipes, sobretudo a agilidade dos mecânicos em abastecerem e trocarem os pneus das motos e, em muitos casos, recuperá-las em pouquíssimo tempo após sofrerem quedas.

Para a Yamaha, a vitória em Suzuka teve uma sabor especial. Além da relevância de vencer a 41ª edição desta importante competição, o modelo utilizado para vencê-la, a icônica YZF R1, completa 20 anos de seu lançamento.

A CORRIDA – As fortes emoções da lendária competição começaram para Equipe Yamaha antes mesmo da largada. Após um grande acidente durante os treinos, foi decidido que o membro principal da equipe e herói local, Katsuyuki Nakasuga, não correria em função de uma lesão no ombro. Sendo assim, Van der Mark foi o escolhido para ser o piloto a largar e encarar um início de corrida difícil, com a mudança repentina do clima que trouxe condições de pista molhada.

Calmo, o holandês não errou, largando na quinta posição e assumindo a liderança da corrida antes de passar a moto ao companheiro de equipe, o britânico Alex Lowes, que mesmo sofrendo ataques, foi capaz de manter a a Yamaha R1 na ponta da prova.

Além das disputas, Lowes e Van der Mark também se depararam com muitos outros fatores que toranaram a vitória ainda mais memorável, como várias intervenções Safety Car em função de acidentes, e também muita chuva, sol e derrames de óleo e combustível na pista.

Volta a volta, o que se viu foi uma batalha campal entre a Yamaha Factory Racing e a rival Kawasaki – com menos de um segundo de diferença entre as motos –, que seguiu por dezenas de voltas e enlouqueceu o público japonês.

Uma combinação de estratégia de equipe, intervenções de safety car e pura velocidade de corrida garantiu a Lowes e Van der Mark a vantagem sobre seus rivais com um ritmo imbatível da YZF-R1.

Lowes cruzou a linha de chegada depois de oito horas e 30 segundos de vantagem e garantiu a incrível quarta vitória consecutiva no 8 Horas de Suzuka. Ao fazer isso, ele e Van der Mark escreveram mais uma página nos livros de história da Yamaha Factory Racing e confirmaram seu status como heróis, superando vários desafios e dificuldades para chegarem ao degrau mais alto do pódio.

A combinação de dois pilotos que competem no Mundial de Superbike, a inestimável contribuição de Nakasuga durante a semana de corrida e os esforços de toda a Equipe Yamaha Factory Racing Team transformaram uma semana de surpresas de Suzuka, como chuva e até um tufão, em mais uma incrível história de sucesso da Yamaha.

 

 

 

 

 

Related posts